Arquivo do mês: janeiro 2011

Às vezes

Às vezes me pego acreditando que estou exatamente onde deveria estar, o que não anula o desejo de estar em outro lugar. Mas o ameniza. Às vezes desejar demais o tempo todo cansa. É como correr na esteira, dar tudo … Continuar lendo

Publicado em Estórias aos ventos | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Cotidiano

Como em outro dia qualquer, Claudia entrou no ônibus às 6h para ir ao trabalho. Cumprimentou Raimundo, o motorista que já conhecia da longa viagem, que era o percurso para o trabalho, feita tantas vezes. – Dia Raimundo. – Dia … Continuar lendo

Publicado em Estórias aos ventos | Marcado com , , , | 2 Comentários